Qua, 20/Set/2017 | Faça o Login
Meio Ambiente
Postado em: 17/06/2015 às 16h46 Fonte: Assessoria de Imprensa Prefeitura de Jaboatão
A passagem da Peixe-boi Clara por Jaboatão

Na manhã desta quarta-feira (17/06), banhistas que estavam na praia de Piedade, em Jaboatão dos Guararapes, tiveram uma bela surpresa. Um peixe-boi fêmea, de aproximadamente quatro anos, 300 kg e 2,7 metros nadou bem próximo à beira-mar. Foi identificado por pesquisadores como a fêmea Clara, que vivia no Centro de Mamíferos Aquáticos de Itamaracá e, em março deste ano, foi reintroduzida em ambiente natural, em Alagoas. Desde então, passeia por águas pernambucanas.


De acordo com o veterinário Augusto Boa Viagem, do Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Mamíferos Aquáticos, logo após a reintrodução em Alagoas, Clara e outro peixe-boi, Natália, começaram a se deslocar para Pernambuco. “Esse deslocamentos são esperados. Elas estão sendo monitoradas e temos relatos de que foram vistos três animais esta semana, ou seja, as duas encontraram um animal nativo. Esperamos que seja um macho, para que elas possam se reproduzir”, disse. Os animais são monitorados via satélite e ondas de rádio.


O chefe da Coordenação de Proteção e Defesa Animal da Prefeitura de Jaboatão, Adriano Artoni, aproveitou para orientar a população a como proceder em situações como essa: “Quando o banhista encontrar um animal desses, a primeira coisa a fazer é sair da água e não manter contato com o bicho, dando comida ou brincando com ele. O peixe-boi, por ser dócil, entende que ali é um lugar seguro para se estar. É esperar ele voltar ao mar aberto e chamar as autoridades competentes”.


No caso de animais próximos à orla, como peixe-boi marinho e tartarugas marinhas, entre outros, a população pode entrar em contato com a Superintendência do Meio Ambiente da Prefeitura, onde funciona a Ouvidoria Ambiental. O fone é o 3343-5215. Por ele, uma equipe é enviada ao local para as devidas providências.


RISCO DE EXTINÇÃO - O peixe-boi está ameaçado de extinção em todo o Brasil. O projeto Peixe-boi Marinho foi criado pelo Governo Federal nos anos 80, na tentativa de reverter esta situação. Em 1990, estudos apontavam existir apenas 500 animais no País e que a espécie já estava extinta na Bahia, Sergipe e Espírito Santo. Já em 2013, novos dados mostravam que o número havia crescido para cerca de mil peixes-boi em todo o litoral brasileiro.


Ainda Não Há comentários, seja o Primeiro

Quem é você?

Seu Nome:
Email: Telefone:
Deixe aqui seu Comentário

Você é a favor da menoridade penal

Sim (0%)
Não (0%)

Sites e Sistemas On-line
Tel: (81) 8877-5330
Festas e Eventos
Tel: (81) 33619718
Blogs

Maria Elena Santin

2014-10-09 11:34:53

Roberto Souza

2014-06-07 16:07:27

Waldir Benevides

2014-04-22 20:22:47
.: Envie Sua Matéria! :.
Publicidade
Senai oferece 15 oportunidade de empregos
Os interessados podem se inscrever até sexta-feira
Precisa-se de Balconista
Precisa-se de balconista para loja de roupas com e
MPB FM

escutar ao vivo
98 FM DE NOVA SERRANA

escutar ao vivo
RADIO GERAIS FM

escutar ao vivo

©2017 - Jaboatão em Foco - todos os direitos reservados!

Pesquisar